La Pascualita: a manequim cadáver

A manequim La Pascualita está em uma vitrine de uma loja de noivas em Chihuahua, no México. Ela poderia ser mais uma manequim qualquer de uma loja qualquer mas sua história é, no mínimo, bizarra.
Quando colocada na vitrine, em março de 1930, as pessoas que passavam pela calçada se questionavam se era uma boneca ou não. Os detalhes eram os mais perfeitos possíveis: cabelos e cílios verdadeiros junto a olhos encantadores. 

A lenda

Não demorou muito para que as pessoas espalhassem uma conclusão macabra de que a nova manequim era a filha do dono da loja embalsamada. Esta suposta história, claro, tem como base uma história sobre a morte de Pascuala Esparza, a filha do dono da loja que estava prestes a se casar. Entretanto, no dia de seu casamento, uma Viúva Negra a picou e ocasionou sua morte. O pai, em choque, mandou que empalhassem o corpo da filha.

As autoridades locais desmentiram os rumores através de comunicados oficiais mas não tiveram sucesso em fazer os cidadãos mudarem de ideia sobre a manequim. Consequentemente, a história se espalhou pelo mundo inteiro e atraiu milhares de turistas que vão até o local verificar se a boneca é um cadáver embalsamado ou não.

Com o grande número de visitantes, surgiram relatos sobrenaturais sobre a manequim onde pessoas afirmam que a boneca troca de posição à noite e onde dizem que ela segue os clientes da loja com seu olhar penetrante.

A história verdadeira

Apesar de todas as lendas e a extrema perfeição dos detalhes, a história da boneca é outra. A dona da loja, Pascualita Esparza Perales de Pérez, escolheu a manequim para a vitrine porque ela se parecia muito com sua irmã, assim, começando os rumores sobre a boneca.
É claro que esses rumores aumentaram as vendas e visitas da loja e os funcionários são orientados a manter a lenda através de ações como mudar as roupas da boneca atrás de uma cortina. Embora toda a história sobrenatural da boneca não seja verdadeira, caso você passe no México acredito que valha a pena passar por lá, né?

Referências: [E-Farsas], [O arquivo], [Diário de Biologia]

La Pascualita: a manequim cadáver La Pascualita: a manequim cadáver Reviewed by Eric Bitencourt on 19:00 Rating: 5

Nenhum comentário

Spirits THEME